Notícias

NOTA

Nota de solidariedade a Dom Jaime

223

26 Apr 2017

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (SINTE/RN) se solidariza com Dom Jaime Vieira Rocha, arcebispo de Natal. O religioso tem sofrido fortes ataques de grupos de direita por ter se posicionado contra as reformas do governo Michel Temer e ter convocado seus fiéis para à luta em prol da manutenção dos direitos da classe trabalhadora.

Dom Jaime é uma vítima da intolerância da casta privilegiada do Estado, sedentos de mais poder e dinheiro a custa do sofrimento do povo. A violência contra ele não é física, como no passado. É moral. É importante destacar que o arcebispo está seguindo a orientação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Ou seja, está de acordo com a Igreja Católica.

Mas Dom Jaime não está só! Pode contar com o SINTE/RN e demais entidades e personalidades que levantam a bandeira da Justiça Social para barrar a maior e mais criminosa retirada de direitos do povo brasileiro.

Não às reformas previdenciária, trabalhista e a terceirização. Sim a vida e a plena liberdade de pensamento e ideias.

SINTE/RN 

NOTA

Nota de solidariedade a Dom Jaime

223

26 Apr 2017

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (SINTE/RN) se solidariza com Dom Jaime Vieira Rocha, arcebispo de Natal. O religioso tem sofrido fortes ataques de grupos de direita por ter se posicionado contra as reformas do governo Michel Temer e ter convocado seus fiéis para à luta em prol da manutenção dos direitos da classe trabalhadora.

Dom Jaime é uma vítima da intolerância da casta privilegiada do Estado, sedentos de mais poder e dinheiro a custa do sofrimento do povo. A violência contra ele não é física, como no passado. É moral. É importante destacar que o arcebispo está seguindo a orientação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Ou seja, está de acordo com a Igreja Católica.

Mas Dom Jaime não está só! Pode contar com o SINTE/RN e demais entidades e personalidades que levantam a bandeira da Justiça Social para barrar a maior e mais criminosa retirada de direitos do povo brasileiro.

Não às reformas previdenciária, trabalhista e a terceirização. Sim a vida e a plena liberdade de pensamento e ideias.

SINTE/RN 

Agenda

Newsletter