Notícias

CONQUISTA

Secretaria estadual de educação reconhece obrigação do governo de reajuste do piso em 13%

6.364

13 Jan 2015

Em audiência realizada ontem, o Secretário Estadual de Educação, Chagas Fernandes, reconheceu o dever do Governo de reajustar os salários do magistério estadual de acordo com a Lei do Piso. A data da aplicação dos 13% deverá ser anunciada ainda esta semana, mas a Secretaria já adiantou que, caso o reajuste não saia em janeiro, será pago com efeito retroativo.

O coordenador geral do Sinte-RN, Rômulo Arnaud, disse que a direção do SINTE/RN cobrou também definições sobre o terço de férias e o tempo de hora aula entre outros. A secretaria respondeu que o pagamento do terço de férias será anunciado ainda esta semana e que o governo já começou a tratar do assunto da carga horária com o Ministério Público. “Concordamos com a criação de uma comissão que será composta pelo governo do estado, ministério público e SINTE/RN, para tratar do tema”, explicou Rômulo.

A gratificação de Mérito Educacional dos funcionários da educação(GME) também fez parte da pauta. Segundo Rômulo a Secretaria se comprometeu em enviar ofício à Secretaria de Administração solicitando o pagamento como sempre foi feito.
Sobre a convocação dos professores, o prazo de chamada dos que estão dentro das vagas é até o final deste mês. Já os profissionais de Suporte Pedagógico serão convocados, mas não há data ou quantidade previstas ainda.

Para Rômulo Arnaud, apesar de não ser conclusiva, a audiência foi positiva. “Sempre que o diálogo se estabelece nós consideramos positivo. Esse diálogo é facilitado por que o Secretário domina o conteúdo com profundidade a ponto de antecipar cobranças que íamos fazer. O que esperemos agora é que isso se consolide. Que se transforme em prática, que é o que realmente importa”, avaliou.

CONQUISTA

Secretaria estadual de educação reconhece obrigação do governo de reajuste do piso em 13%

6.364

13 Jan 2015

Em audiência realizada ontem, o Secretário Estadual de Educação, Chagas Fernandes, reconheceu o dever do Governo de reajustar os salários do magistério estadual de acordo com a Lei do Piso. A data da aplicação dos 13% deverá ser anunciada ainda esta semana, mas a Secretaria já adiantou que, caso o reajuste não saia em janeiro, será pago com efeito retroativo.

O coordenador geral do Sinte-RN, Rômulo Arnaud, disse que a direção do SINTE/RN cobrou também definições sobre o terço de férias e o tempo de hora aula entre outros. A secretaria respondeu que o pagamento do terço de férias será anunciado ainda esta semana e que o governo já começou a tratar do assunto da carga horária com o Ministério Público. “Concordamos com a criação de uma comissão que será composta pelo governo do estado, ministério público e SINTE/RN, para tratar do tema”, explicou Rômulo.

A gratificação de Mérito Educacional dos funcionários da educação(GME) também fez parte da pauta. Segundo Rômulo a Secretaria se comprometeu em enviar ofício à Secretaria de Administração solicitando o pagamento como sempre foi feito.
Sobre a convocação dos professores, o prazo de chamada dos que estão dentro das vagas é até o final deste mês. Já os profissionais de Suporte Pedagógico serão convocados, mas não há data ou quantidade previstas ainda.

Para Rômulo Arnaud, apesar de não ser conclusiva, a audiência foi positiva. “Sempre que o diálogo se estabelece nós consideramos positivo. Esse diálogo é facilitado por que o Secretário domina o conteúdo com profundidade a ponto de antecipar cobranças que íamos fazer. O que esperemos agora é que isso se consolide. Que se transforme em prática, que é o que realmente importa”, avaliou.

Agenda

Newsletter