Notícias

NATAL

Após pressão do SINTE/RN, Educadores de Natal vão receber 1/3 de férias e retroativo 2018

8 Jan 2020

O terço de férias dos educadores e educadoras de Natal que ainda não receberam deve sair no mês de janeiro, possivelmente em folha suplementar. A informação é do coordenador de Recursos Humanos da Secretária Municipal de Educação e foi obtida na manhã desta quarta-feira, 08 de janeiro, durante visita de uma comissão do SINTE/RN à SME com objetivo de cobrar do Município respostas à pauta da categoria. A visita dos representantes do Sindicato também trouxe novidades sobre o pagamento do retroativo de 2018. De acordo com a chefe de gabinete da SME, Sirleide Oliveira, a primeira parcela desse retroativo será paga ainda esse mês.

Todavia, apesar das boas novas que são resultado da pressão do SINTE ao longo de 2019 e já no início de 2020, a coordenadora da entidade, professora Fátima Cardoso, comenta que a audiência com a Secretária de Educação, Cristina Barreto, que estava agendada para 10/01, foi adiada e ainda não há definição de nova data, embora exista a perspectiva de que o encontro ocorra entre o final de janeiro e o início de fevereiro.

A diretora de Organização da Capital do Sindicato, Jucyana Myrna, lembra aos educadores e educadoras da Rede Municipal de Natal que a pretensão do SINTE com essa audiência é tratar das muitas demandas da categoria, especialmente a correção de 12,84% do piso em 2020; a publicação das promoções horizontais em março; os 10% de débito que o município tem com os educadores e que foi negociado em 2013; bem como o retroativo do piso de 2017 para os inativos. Desse modo, tão logo a data da nova audiência seja conhecida, a categoria será informada.

Eliene Bandeira, diretora de Assuntos Jurídicos e Defesa do Trabalhador em Educação do SINTE, integrou a comissão que esteve na SME e afirma que a luta em prol da educação e dos direitos dos educadores precisa ser contínua e que conquistas valiosas da categoria só são possíveis pela atuação incansável do Sindicato.

Retrospectiva
Em fins de dezembro, o SINTE/RN cobrou da Secretaria Municipal de Educação de Natal (SME) informações sobre o pagamento do mês de dezembro de 2019 e o terço de férias. O questionamento foi feito durante a posse do Conselho do FUNDEB, na capital potiguar. Naquela ocasião, a secretária de educação, Cristina Barreto, informou que havia a possibilidade dessas folhas serem pagas em 31/12. Porém, a informação não foi confirmada. Também naquela oportunidade, a direção do Sindicato recordou os principais pontos da pauta dos educadores que acumulavam quase 40 itens, apesar das muitas cobranças da entidade ao longo do ano. A gestora da pasta de educação, por sua vez, evitou dar qualquer resposta e reiterou que essas questões seriam discutidas no início do novo ano.

NATAL

Após pressão do SINTE/RN, Educadores de Natal vão receber 1/3 de férias e retroativo 2018

8 Jan 2020

O terço de férias dos educadores e educadoras de Natal que ainda não receberam deve sair no mês de janeiro, possivelmente em folha suplementar. A informação é do coordenador de Recursos Humanos da Secretária Municipal de Educação e foi obtida na manhã desta quarta-feira, 08 de janeiro, durante visita de uma comissão do SINTE/RN à SME com objetivo de cobrar do Município respostas à pauta da categoria. A visita dos representantes do Sindicato também trouxe novidades sobre o pagamento do retroativo de 2018. De acordo com a chefe de gabinete da SME, Sirleide Oliveira, a primeira parcela desse retroativo será paga ainda esse mês.

Todavia, apesar das boas novas que são resultado da pressão do SINTE ao longo de 2019 e já no início de 2020, a coordenadora da entidade, professora Fátima Cardoso, comenta que a audiência com a Secretária de Educação, Cristina Barreto, que estava agendada para 10/01, foi adiada e ainda não há definição de nova data, embora exista a perspectiva de que o encontro ocorra entre o final de janeiro e o início de fevereiro.

A diretora de Organização da Capital do Sindicato, Jucyana Myrna, lembra aos educadores e educadoras da Rede Municipal de Natal que a pretensão do SINTE com essa audiência é tratar das muitas demandas da categoria, especialmente a correção de 12,84% do piso em 2020; a publicação das promoções horizontais em março; os 10% de débito que o município tem com os educadores e que foi negociado em 2013; bem como o retroativo do piso de 2017 para os inativos. Desse modo, tão logo a data da nova audiência seja conhecida, a categoria será informada.

Eliene Bandeira, diretora de Assuntos Jurídicos e Defesa do Trabalhador em Educação do SINTE, integrou a comissão que esteve na SME e afirma que a luta em prol da educação e dos direitos dos educadores precisa ser contínua e que conquistas valiosas da categoria só são possíveis pela atuação incansável do Sindicato.

Retrospectiva
Em fins de dezembro, o SINTE/RN cobrou da Secretaria Municipal de Educação de Natal (SME) informações sobre o pagamento do mês de dezembro de 2019 e o terço de férias. O questionamento foi feito durante a posse do Conselho do FUNDEB, na capital potiguar. Naquela ocasião, a secretária de educação, Cristina Barreto, informou que havia a possibilidade dessas folhas serem pagas em 31/12. Porém, a informação não foi confirmada. Também naquela oportunidade, a direção do Sindicato recordou os principais pontos da pauta dos educadores que acumulavam quase 40 itens, apesar das muitas cobranças da entidade ao longo do ano. A gestora da pasta de educação, por sua vez, evitou dar qualquer resposta e reiterou que essas questões seriam discutidas no início do novo ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agenda

Newsletter