Notícias

REDE ESTADUAL

Governo apresenta calendário de pagamento, mas atrasados seguem incertos

1.473

27 Sep 2019

Créditos: Cedida/Divulgação

Os salários de outubro, novembro, dezembro e o 13º de 2019 serão pagos dentro do mês corrente. É o que anunciou o governo em audiência com as entidades que compõem o Fórum Estadual dos Servidores nesta sexta-feira (27). O calendário anunciado pelo Executivo foi o seguinte:

Outubro

Dia 15: Pagamento integral para quem ganha até 3 mil reais e os servidores da segurança pública. Os que ganham mais acima de R$ 3 mil vão receber 30% do salário.

Dia 31: Pagamento dos 70% restantes.

Novembro e dezembro

Dia 15: Pagamento integral para quem ganha até 4 mil reais e os servidores da segurança pública. Os que ganham acima de R$ 4 mil vão receber 30% do salário.

Final do mês: Pagamento dos 70% restantes.

13º salário de 2019

Será quitado dentro do ano.

Entretanto, os atrasados, relativos a novembro, dezembro e décimo terceiro de 2018, continuam sem previsão de quando serão quitados. De acordo com o governo, a quitação destas folhas continua dependendo da entrada de recursos extras.

REDE ESTADUAL

Governo apresenta calendário de pagamento, mas atrasados seguem incertos

1.473

27 Sep 2019

Créditos: Cedida/Divulgação

Os salários de outubro, novembro, dezembro e o 13º de 2019 serão pagos dentro do mês corrente. É o que anunciou o governo em audiência com as entidades que compõem o Fórum Estadual dos Servidores nesta sexta-feira (27). O calendário anunciado pelo Executivo foi o seguinte:

Outubro

Dia 15: Pagamento integral para quem ganha até 3 mil reais e os servidores da segurança pública. Os que ganham mais acima de R$ 3 mil vão receber 30% do salário.

Dia 31: Pagamento dos 70% restantes.

Novembro e dezembro

Dia 15: Pagamento integral para quem ganha até 4 mil reais e os servidores da segurança pública. Os que ganham acima de R$ 4 mil vão receber 30% do salário.

Final do mês: Pagamento dos 70% restantes.

13º salário de 2019

Será quitado dentro do ano.

Entretanto, os atrasados, relativos a novembro, dezembro e décimo terceiro de 2018, continuam sem previsão de quando serão quitados. De acordo com o governo, a quitação destas folhas continua dependendo da entrada de recursos extras.

Agenda

Newsletter