Notícias

REDE ESTADUAL

SINTE/RN convoca Rede Estadual a parar atividades por 24h para cobrar pagamento de folhas atrasadas

1.349

5 Nov 2019

O SINTE/RN está convocando os trabalhadores em educação da Rede Estadual de ensino a parar as atividades por 24 horas para cobrar o pagamento das folhas atrasadas deixadas pela gestão passada. A data escolhida para cruzar os braços foi 13 de novembro (quarta-feira). O dia será marcado com um ato em frente à Governadoria (Centro Administrativo de Natal) a partir das 8h30.

A parada dos professores e funcionários do Estado já foi deliberada em assembleia da categoria no dia 22 de outubro. O objetivo é, além de cruzar os braços em protesto, participar do ato unificado. O dia de luta foi definido pelo Fórum Estadual dos Servidores e está sendo organizado conjuntamente pelas entidades sindicais.

A cobrança dos servidores estaduais é referente as três folhas relativas a novembro, dezembro e o 13º de 2018. Ao longo deste ano ao menos dois protestos foram realizados em frente à sede do Executivo estadual e diversas rodadas de negociação com o Governo aconteceram.

REDE ESTADUAL

SINTE/RN convoca Rede Estadual a parar atividades por 24h para cobrar pagamento de folhas atrasadas

1.349

5 Nov 2019

O SINTE/RN está convocando os trabalhadores em educação da Rede Estadual de ensino a parar as atividades por 24 horas para cobrar o pagamento das folhas atrasadas deixadas pela gestão passada. A data escolhida para cruzar os braços foi 13 de novembro (quarta-feira). O dia será marcado com um ato em frente à Governadoria (Centro Administrativo de Natal) a partir das 8h30.

A parada dos professores e funcionários do Estado já foi deliberada em assembleia da categoria no dia 22 de outubro. O objetivo é, além de cruzar os braços em protesto, participar do ato unificado. O dia de luta foi definido pelo Fórum Estadual dos Servidores e está sendo organizado conjuntamente pelas entidades sindicais.

A cobrança dos servidores estaduais é referente as três folhas relativas a novembro, dezembro e o 13º de 2018. Ao longo deste ano ao menos dois protestos foram realizados em frente à sede do Executivo estadual e diversas rodadas de negociação com o Governo aconteceram.

Agenda

Newsletter