Notícias

CONQUISTA

Em assembleia, educadores/as de Natal acatam proposta e definem calendário de reposição de aulas

349

6 Apr 2016

Créditos: Lenilton Lima

Os/as educadores/as de Natal acataram a proposta feita na audiência de conciliação entre o SINTE/RN e SME e definiram o calendário de reposição de aulas (Saiba mais sobre tal proposta clicando AQUI).

Durante a assembleia os educadores foram informados que os valores descontados indevidamente pela prefeitura vão ser pagos nesta quinta-feira (7), em folha suplementar.

A assembleia também ratificou que os educadores deverão parar de dar aulas além da sua carga horária contratual. Na avaliação da categoria, a também chamada carga suplementar, de 04 horas/aula, não apresenta vantagens para os profissionais.

Na ocasião, a coordenadora geral do SINTE/RN, professora Fátima Cardoso, assegurou que é legítimo o direito do professor solicitar a entrega da carga extra de trabalho.

A sindicalista explica que os interessados devem fazer o requerimento apresentando os seguintes documentos:

- Declaração da escola que trabalha, informando que está devolvendo a carga suplementar e qual é a sua jornada de trabalho;

- Contracheque;

- Preencher o requerimento do/a servidor/a na SME.

Nos encaminhamentos foi recomendado que os educadores repassem aos colegas as informações relativas a devolução da carga suplementar.

A categoria ainda deliberou que o SINTE/RN deverá organizar um ato de apoio à democracia, com data a ser marcada pela diretoria do Sindicato.

Uma assembleia geral dos educadores de Natal está marcada para o dia 22 de abril, às 8h30, na ASSEN. Em pauta a Campanha Salarial/Educacional da categoria.

CONQUISTA

Em assembleia, educadores/as de Natal acatam proposta e definem calendário de reposição de aulas

349

6 Apr 2016

Créditos: Lenilton Lima

Os/as educadores/as de Natal acataram a proposta feita na audiência de conciliação entre o SINTE/RN e SME e definiram o calendário de reposição de aulas (Saiba mais sobre tal proposta clicando AQUI).

Durante a assembleia os educadores foram informados que os valores descontados indevidamente pela prefeitura vão ser pagos nesta quinta-feira (7), em folha suplementar.

A assembleia também ratificou que os educadores deverão parar de dar aulas além da sua carga horária contratual. Na avaliação da categoria, a também chamada carga suplementar, de 04 horas/aula, não apresenta vantagens para os profissionais.

Na ocasião, a coordenadora geral do SINTE/RN, professora Fátima Cardoso, assegurou que é legítimo o direito do professor solicitar a entrega da carga extra de trabalho.

A sindicalista explica que os interessados devem fazer o requerimento apresentando os seguintes documentos:

- Declaração da escola que trabalha, informando que está devolvendo a carga suplementar e qual é a sua jornada de trabalho;

- Contracheque;

- Preencher o requerimento do/a servidor/a na SME.

Nos encaminhamentos foi recomendado que os educadores repassem aos colegas as informações relativas a devolução da carga suplementar.

A categoria ainda deliberou que o SINTE/RN deverá organizar um ato de apoio à democracia, com data a ser marcada pela diretoria do Sindicato.

Uma assembleia geral dos educadores de Natal está marcada para o dia 22 de abril, às 8h30, na ASSEN. Em pauta a Campanha Salarial/Educacional da categoria.

Agenda

Newsletter